Os melhores discos portugueses de 2016

Após apresentarmos os 20 nomes da música portuguesa que você precisa conhecer, nós do Tramp resolvemos eleger os 20 melhores discos portugueses lançados ao longo de 2016. Tem trabalhos para todos os gostos, que vão do pop, rock e psicodelia cantada em inglês até o bom e velho fado, que faz muito marmanjo chorar.

Neste ano, os grandes destaques da cena local foram Capitão Fausto, uma banda lisboeta de rock formada por Manuel Palha (guitarra), Domingos Coimbra (baixo), Francisco Ferreira (teclado), Tomás Wallenstein (voz e guitarra) e Salvador Seabra (bateria), com o ótimo disco Capitão Fausto Têm os Dias Contados, e o trio Sensible Soccers, oriundo de Vila do Conde, com sua música lúdica e cerebral.

Confira abaixo como ficou a nossa seleção e faça um bom proveito:

1. Capitão Fausto – Capitão Fausto Têm os Dias Contados
2. Sensible Soccers – Villa Soledade
3. Old Jerusalem – A Rose is a Rose is a Rose
4. Bruno Pernadas – Those Who Throw Objects At The Crocodiles Will Be Asked To Retrieve Them
5. Norberto Lobo – Muxama
6. Linda Martini – Sirumba
7. Samuel Úria – Carga de Ombro
8. Medeiros/Lucas – Terra do Corpo
9. Deolinda – Outras Histórias
10. Gisela João – Nua
11. Cristina Branco – Menina
12. You Can’t Win, Charlie Brown – Marrow
13. White Haus – Modern Dancing
14. Marta Ren & The Groovelvets – Stop Look Listen
15. Filho da Mãe – Mergulho
16. PAUS – Mitra
17. Rodrigo Leão & Scott Matthew – Life is Long
18. Alek Rein – Mirror Lane
19. Octa Push – Língua
20. Peixe:Avião – Peso Morto